livalo


RESULTADOS: 6

  •     DROGARIA PRIMUS
  •      LIVALO
  •      Apresentação: 2 MG COM REV CT BL AL AL X 30
  •      Princípio Ativo: PITAVASTATINA CÁLCICA...
  •      Fabricante: ELI LILLY DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7896382707070
     
    PMC: 103.31
  •      R$ 91.76
     
  •     AGILLE MEDICAMENTOS
  •      LIVALO
  •      Apresentação: 2 MG COM REV CT BL AL AL X 30
  •      Princípio Ativo: PITAVASTATINA CÁLCICA...
  •      Fabricante: ELI LILLY DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7896382707070
     
    PMC: 103.31
  •      R$ 102.81
     
  •     FARMA DELIVERY
  •      LIVALO
  •      Apresentação: 2 MG COM REV CT BL AL AL X 30
  •      Princípio Ativo: PITAVASTATINA CÁLCICA...
  •      Fabricante: ELI LILLY DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7896382707070
     
    PMC: 103.31
  •      R$ 111.30
     
  •     DROGARIA PRIMUS
  •      LIVALO
  •      Apresentação: 4 MG COM REV CT BL AL AL X 30
  •      Princípio Ativo: PITAVASTATINA CÁLCICA...
  •      Fabricante: ELI LILLY DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7896382707100
     
    PMC: 187.34
  •      R$ 117.46
     
  •     FARMA DELIVERY
  •      LIVALO
  •      Apresentação: 4 MG COM REV CT BL AL AL X 30
  •      Princípio Ativo: PITAVASTATINA CÁLCICA...
  •      Fabricante: ELI LILLY DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7896382707100
     
    PMC: 187.34
  •      R$ 139.04
     
  •     FARMA 22
  •      LIVALO
  •      Apresentação: 4 MG COM REV CT BL AL AL X 30
  •      Princípio Ativo: PITAVASTATINA CÁLCICA...
  •      Fabricante: ELI LILLY DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7896382707100
     
    PMC: 187.34
  •      R$ 149.04
     



 INFORMAÇÕES DO MEDICAMENTO


PITAVASTATINA CÁLCICA


Para que serve o Pitavastatina Cálcica

Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) é indicada como terapia adjunta à dieta para reduzir os níveis elevados de colesterol total (CT), lipoproteína de baixa densidade (LDL-colesterol), apolipoproteína B (Apo-B), triglicérides (TG) e para aumentar os níveis de lipoproteína de alta densidade (HDL-colesterol) em pacientes adultos com hiperlipidemia primária ou dislipidemia mista.

A terapia medicamentosa deve ser um componente da intervenção para múltiplos fatores de risco em indivíduos que requerem modificações no perfil lipídico. Agentes que alteram os lipídeos só devem ser usados em adição à dieta restrita de gorduras saturadas e colesterol quando a resposta à dieta e a outras medidas não farmacológicas forem inadequadas.

Contraindicação do Pitavastatina Cálcica

Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) é contraindicado nas seguintes condições:

Pacientes com hipersensibilidade conhecida a qualquer componente desse produto

Foram relatadas reações de hipersensibilidade incluindo erupção da pele, prurido e urticária com Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento).

Mulheres grávidas ou em idade fértil

Como os inibidores da HMG-CoA redutase reduzem a síntese de colesterol e possivelmente a síntese de outras substâncias biologicamente ativas derivadas do colesterol, Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) pode causar dano fetal quando administrado a mulheres grávidas. Também, não há nenhum benefício aparente à terapia durante a gravidez e a segurança em mulheres grávidas não foi estabelecida. Se a paciente engravidar enquanto estiver tomando esse medicamento, a paciente deve ser informada sobre o risco potencial para o feto e a ausência de benefícios clínicos conhecidos com a continuação do uso durante a gravidez.

Mulheres amamentando

Estudos em animais mostraram que Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) passa para o leite materno. Uma vez que os inibidores da HMG-CoA redutase tem o potencial de causar reações adversas sérias em bebês lactentes, Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento), como outros inibidores da HMG-CoA redutase, é contraindicado para mulheres grávidas ou que estejam amamentando.

  • Pacientes com doença hepática ativa que pode incluir elevações persistentes inexplicáveis das concentrações de transaminase hepática.
  • Coadministração com ciclosporina.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas ou que possam ficar grávidas durante o tratamento.

Como usar o Pitavastatina Cálcica

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

A variação de dose para Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) é de 1 a 4 mg por via oral uma vez ao dia a qualquer hora do dia, com ou sem alimento. A dose inicial recomendada é de 2 mg e a dose máxima é de 4 mg.

A dose inicial e as doses de manutenção de Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) devem ser individualizadas de acordo com as características do paciente, tal como o objetivo da terapia e da resposta.

Doses de Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) acima de 4 mg uma vez ao dia foram associadas com aumento no risco de miopatia severa nos estudos clínicos realizados antes da comercialização. Não exceder a dose de 4 mg uma vez ao dia de Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento).

Após o início ou após a titulação de Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento), as concentrações de lipídeos devem ser analisadas após 4 semanas e a dose deve ser ajustada de acordo.

Em pacientes com insuficiência renal:

Pacientes com insuficiência renal moderada e severa (taxa de filtração glomerular 30 - 59 e 15 - 29 mL/min/1,73 m2 não recebendo hemodiálise, respectivamente) bem como em doença renal em estágio terminal recebendo hemodiálise devem receber uma dose inicial de Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) de 1 mg uma vez ao dia e uma dose máxima de Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) de 2 mg uma vez ao dia.

Uso com eritromicina:

Em pacientes tomando eritromicina, a dose de Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) de 1 mg uma vez ao dia não deve ser excedida.

Uso com rifampina:

Em pacientes tomando rifampina, a dose de Pitavastatina Cálcica (substância ativa deste medicamento) de 2 mg uma vez ao dia não deve ser excedida.

Interação Alimentícia do Pitavastatina Cálcica

Este medicamento contém Lactose. Portanto, deve ser usado com cautela em pacientes que apresentem intolerância à lactose.



Assine nossa newsletter e receba as melhores promoções e ofertas de sua região




SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, PROCURE ORIENTAÇÃO DO FARMACÊUTICO OU DE SEU MÉDICO. LEIA A BULA.



Todas as informações contidas nesse site tem a intenção de informar e educar, não pretendendo de forma alguma substituir as informações e orientações do profissional da saúde ou servir como recomendação para algum tratamento, não administre qualquer tipo de medicamento sem consultar o seu médico ou farmacêutico.