fresh clear


RESULTADOS: 4

  •     FARMA DELIVERY
  •      FRESH CLEAR
  •      Apresentação: 1,2 MG/ML + 14,0 MG/ML SOL OFT CT FR PLAS OPC GOT X 15,0ML
  •      Princípio Ativo: ÁLCOOL POLIVINÍLICO;CLORIDRATO DE FENILEFRINA...
  •      Fabricante: ALLERGAN PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7897316805886
     
    PMC: 16.4
  •      R$ 13.64
     
  •     DROGARIA PRIMUS
  •      FRESH CLEAR
  •      Apresentação: 1,2 MG/ML + 14,0 MG/ML SOL OFT CT FR PLAS OPC GOT X 15,0ML
  •      Princípio Ativo: ÁLCOOL POLIVINÍLICO;CLORIDRATO DE FENILEFRINA...
  •      Fabricante: ALLERGAN PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7897316805886
     
    PMC: 16.4
  •      R$ 14.81
     
  •     FARMA 22
  •      FRESH CLEAR
  •      Apresentação: 1,2 MG/ML + 14,0 MG/ML SOL OFT CT FR PLAS OPC GOT X 15,0ML
  •      Princípio Ativo: ÁLCOOL POLIVINÍLICO;CLORIDRATO DE FENILEFRINA...
  •      Fabricante: ALLERGAN PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7897316805886
     
    PMC: 16.4
  •      R$ 15.19
     
  •     AGILLE MEDICAMENTOS
  •      FRESH CLEAR
  •      Apresentação: 1,2 MG/ML + 14,0 MG/ML SOL OFT CT FR PLAS OPC GOT X 15,0ML
  •      Princípio Ativo: ÁLCOOL POLIVINÍLICO;CLORIDRATO DE FENILEFRINA...
  •      Fabricante: ALLERGAN PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA
  •      Categoria: Referência
  •      EAN:  7897316805886
     
    PMC: 16.4
  •      R$ 15.58
     



 INFORMAÇÕES DO MEDICAMENTO


ÁLCOOL POLIVINÍLICO;CLORIDRATO DE FENILEFRINA


Para que serve o Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4%

Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) é indicado para uso como descongestionante e lubrificante que clareia os olhos e apresenta benefícios no alívio de irritações leves nos olhos causadas por resfriados, rinite, poeira, fumaça, lentes de contato rígidas, sol, água de piscina e do mar, e, vento, na ausência de infecção.

Contraindicação do Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4%

Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) é contraindicado para pessoas que apresentam hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da sua fórmula.

Este medicamento é contraindicado para uso por pacientes portadores de glaucoma de ângulo fechado.

Como usar o Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4%

A dose usual é de 1 gota aplicada no(s) olho(s) afetado(s), a cada três ou quatro horas, conforme necessário ou de acordo com a orientação médica.

Reações Adversas do Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4%

Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) em geral é bem tolerado. Em alguns casos pode ocorrer dilatação da pupila. Se utilizado em excesso, o próprio medicamento pode causar irritação ocular. O paciente deve ser advertido que se surgir dor ocular, alterações de visão, vermelhidão ou irritação contínua do olho, ou se persistir ou piorar a afecção ocular por mais do que 72 horas, ele deve descontinuar o uso do produto e consultar o oftalmologista para reavaliação do quadro clínico.

Atenção: Este produto é um medicamento novo e, embora as pesquisas tenham indicado eficácia e segurança aceitáveis, mesmo que indicado e utilizado corretamente, podem ocorrer eventos adversos imprevisíveis ou desconhecidos. Neste caso, notifique os eventos adversos pelo Sistema de Notificações em Vigilância Sanitária - NOTIVISA, disponível em www.anvisa.gov.br/hotsite/notivisa/index.htm, ou para a Vigilância Sanitária Estadual ou Municipal

Interação Medicamentosa do Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4%

Considerando a baixa concentração de fenilferina no produto, não são esperadas interações significativas decorrentes de absorção para a circulação sistêmica, com outras substâncias administradas sistemicamente, quando Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) é administrado na posologia recomendada e com as devidas precauções.

Além disso, considerando que o álcool polivinílico é uma substância não absorvida, que permanece sobre a superfície ocular, também não são esperadas interações desta substância com outras substâncias de uso sistêmico.

Precauções do Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4%

Para não contaminar o colírio evite o contato do conta-gotas com qualquer superfície. Não permita que a ponta do frasco entre em contato direto com os olhos.

Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) é um medicamento de uso exclusivamente tópico ocular.

Caso apareça dor ocular, alterações da visão, vermelhidão ou irritação contínua do olho ou se persistir a condição ocular por mais de 72 horas, o paciente deve descontinuar o uso do produto e consultar o oftalmologista para reavaliação do quadro clínico.

Gravidez e Lactação

Categoria de risco na gravidez: C.

Não foram realizados estudos sobre eficácia e segurança de Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) em mulheres durante a gestação e lactação.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Na ocorrência de gravidez ou se estiver amamentando, consulte o médico antes de fazer uso de medicamentos.

Pacientes pediátricos

A segurança e eficácia de Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) não foram estabelecidas em pacientes pediátricos. Este medicamento é contraindicado para pacientes pediátricos.

Pacientes idosos

Não foram observadas diferenças de eficácia e segurança entre pacientes idosos e de outras faixas etárias, de modo que não há recomendações especiais quanto ao uso em idosos.

Pacientes que utilizam lentes de contato

Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) não deve ser aplicado durante o uso de lentes de contato gelatinosas ou hidrofílicas, pois o cloreto de benzalcônio presente na fórmula pode ser absorvido pelas lentes. Por este motivo, os pacientes devem ser instruídos a retirar as lentes antes da aplicação do colírio e aguardar pelo menos 15 minutos para recolocá-las após a administração de Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa).

Não existe restrição de uso de Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) para pacientes que utilizam lentes de contato rígidas.

Pacientes que utilizam mais de um medicamento oftálmico.

Quando mais de um colírio estiver sendo utilizado pelo paciente, deve ser respeitado o intervalo de pelo menos cinco minutos entre a administração dos medicamentos.

Ação do Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4%

Resultados de Eficácia

A eficácia de Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) comprovada em um estudo de Fase III 1 duplo-mascarado sobre o efeito vasoconstrictor da preparação, no qual o produto foi comparado a outras 5 preparações oftálmicas, duas delas sem vasoconstritor (álcool polivilínico 1,4% e álcool polivinílico 0,5% + povidona 0,6%) e as outras três contendo vasoconstritores (cloridrato de tetraidrozolina 0,05%, cloridrato de fenilefrina 0,12% e cloridrato de nafazolina 0,1%).

Os resultados deste estudo mostraram que quando Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) foi testado contra outras soluções oftálmicas sem descongestionante (álcool polivilínico 1,4% e álcool polivinílico 0,5% + povidona 0,6%), claramente produziu uma vasoconstrição maior durante a primeira hora.

A vasoconstrição foi evidente em alguns indivíduos mesmo depois da segunda aplicação do irritante. A atividade vasoconstritora de Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) foi igual ou levemente superior à dos 2 descongestionantes de venda livre (cloridrato de tetraidrozolina 0,05% e cloridrato de fenilefrina 0,12%) testados.

Cloridrato de nafazolina 0,1%, uma formulação de venda sob prescrição, produziu consideravelmente maior atividade vasoconstritora em comparação com o Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) e esta durou por maior período de tempo, (até 4 horas em alguns casos).

Em outro estudo clinico de Fase III 2 utilizando Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) solução oftálmica para tratar diversos distúrbios oftálmicos (tais como irritações oculares - olhos vermelhos, visão embaçada, ardência, coceira ocular e edemas), que incluiu ao todos 53 pacientes, os resultados de eficácia da preparação mostraram que 47 pacientes apresentaram melhora do quadro irritativo depois do uso de Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa), o que representa 89% da população experimental neste estudo.

Características Farmacológicas

Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) age como descongestionante e lubrificante ocular sob a forma de solução estéril. É formulado especialmente para pacientes que desejam obter alívio nos casos de irritação ocular leve nos olhos de diversas causas.

Farmacodinâmica

Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) é uma solução oftálmica estéril, que contém cloridrato de fenilefrina e álcool polivinílico. O cloridrato de fenilefrina é um agente simpatomimético de ação direta, com forte efeito principalmente sobre os receptores alfa-adrenérgicos e efeito muito fraco sobre os beta-adrenérgicos.

Em baixas concentrações o cloridrato de fenilefrina clareia o olho produzindo uma resposta nas células efetoras simpáticas, resultando na constrição dos pequenos vasos sanguíneos conjuntivais. O cloridrato de fenilefrina tem também a habilidade de aliviar os sintomas agudos da conjuntivite alérgica.

O álcool polivinílico é um surfactante não iônico que age como agente viscoso protetor, umectante e lubrificante do epitélio, não apresentando atividade farmacológica e agindo apenas de modo mecânico.

Farmacocinética

Cloridrato De Fenilefrina 0,12% + Alcool Polivinilico 1,4% (substância ativa) é uma combinação de cloridrato de fenilefrina e álcool polivinílico, duas substâncias apresentam comportamento farmacocinético distintos.

A fenilefrina aplicada por via tópica ocular sofre absorção irregular, sendo que ela é absorvida após administração tópica ocular e sua absorção é maior ao ser aplicada sobre a conjuntiva inflamada. Nos estudos experimentais sobre farmacocinética da fenilefrina, foi mostrado que a droga sofre metabolização local, no epitélio da córnea.

O cloridrato de fenilefrina que atinge a circulação sistêmica é excretado principalmente pelos rins. O álcool polivinílico permanece sobre a superfície ocular e se mistura com o filme de lágrima, sem sofrer absorção para as estruturas oculares, nem passar para a circulação sanguínea.



Assine nossa newsletter e receba as melhores promoções e ofertas de sua região




SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, PROCURE ORIENTAÇÃO DO FARMACÊUTICO OU DE SEU MÉDICO. LEIA A BULA.



Todas as informações contidas nesse site tem a intenção de informar e educar, não pretendendo de forma alguma substituir as informações e orientações do profissional da saúde ou servir como recomendação para algum tratamento, não administre qualquer tipo de medicamento sem consultar o seu médico ou farmacêutico.