dali


RESULTADOS: 16

  •     FARMA DELIVERY
  •      SEDALIVE
  •      Apresentação: 100 MG COM CT ENV KRAFT POLIET X 200
  •      Princípio Ativo: ÁCIDO ACETILSALICÍLICO...
  •      Fabricante: VITAMEDIC INDUSTRIA FARMACEUTICA LTDA
  •      Categoria: Similar
  •      EAN:  7898049799008
     
    PMC: 
  •      R$ 13.65
     
  •     FARMA DELIVERY
  •      DALÍ
  •      Apresentação:  20 MG COM REV CT BL AL PLAS TRANS X 2
  •      Princípio Ativo: TADALAFILA...
  •      Fabricante: SUPERA FARMA LABORATÓRIOS S.A
  •      Categoria: Similar
  •      EAN:  7899420504112
     
    PMC: 82.93
  •      R$ 46.82
     
  •     FARMA DELIVERY
  •      DALÍ
  •      Apresentação: 5 MG COM REV CT BL AL PLAS TRANS X 30
  •      Princípio Ativo: TADALAFILA...
  •      Fabricante: SUPERA FARMA LABORATÓRIOS S.A
  •      Categoria: Similar
  •      EAN:  7899420504051
     
    PMC: 290.3
  •      R$ 174.64
     
  •     4BIO MEDICAMENTOS ESPECIAIS
  •      FLUDALIBBS
  •      Apresentação: 50 MG PO LIOF INJ CT 5 FA VD TRANS 
  •      Princípio Ativo: FOSFATO DE FLUDARABINA...
  •      Fabricante: LIBBS FARMACÊUTICA LTDA
  •      Categoria: Similar
  •      EAN:  7896094207318
     
    PMC: 
  •      R$ 1659.75
     
  •     AGILLE MEDICAMENTOS
  •      FLUDALIBBS
  •      Apresentação: 50 MG PO LIOF INJ CT 5 FA VD TRANS 
  •      Princípio Ativo: FOSFATO DE FLUDARABINA...
  •      Fabricante: LIBBS FARMACÊUTICA LTDA
  •      Categoria: Similar
  •      EAN:  7896094207318
     
    PMC: 
  •      R$ 3234.19
     
  •     PHARMA-K
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + ENV LENÇO COM ALCOOL 
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBOTT LABORATÓRIOS DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  7891158051623
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 8199.30
     
  •     FARMA DELIVERY
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40 MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + SIST APLIC PLAST (PEN) + ENV LENÇO COM ÁLCOOL.
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBVIE FARMACÊUTICA LTDA.
  •      Categoria: Similar
  •      EAN:  8054083006529
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 8532.02
     
  •     PHARMA-K
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40 MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + SIST APLIC PLAST (PEN) + ENV LENÇO COM ALCOOL 
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBOTT LABORATÓRIOS DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  7896255762779
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 8550.00
     
  •     NOVAMED PRODUTOS FARMACÊUTICOS
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + ENV LENÇO COM ALCOOL 
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBOTT LABORATÓRIOS DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  7891158051623
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 8700.00
     
  •     ONCOEXPRESS
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + ENV LENÇO COM ALCOOL 
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBOTT LABORATÓRIOS DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  7891158051623
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 8790.00
     
  •     ONCOEXPRESS
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40 MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + SIST APLIC PLAST (PEN) + ENV LENÇO COM ALCOOL 
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBOTT LABORATÓRIOS DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  7896255762779
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 8790.00
     
  •     4BIO MEDICAMENTOS ESPECIAIS
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40 MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + SIST APLIC PLAST (PEN) + ENV LENÇO COM ÁLCOOL.
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBVIE FARMACÊUTICA LTDA.
  •      Categoria: Similar
  •      EAN:  8054083006529
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 8807.51
     
  •     4BIO MEDICAMENTOS ESPECIAIS
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + ENV LENÇO COM ALCOOL 
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBOTT LABORATÓRIOS DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  7891158051623
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 8991.59
     
  •     FARMACLASS DELIVERY
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + ENV LENÇO COM ALCOOL 
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBOTT LABORATÓRIOS DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  7891158051623
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 10265.00
     
  •     4BIO MEDICAMENTOS ESPECIAIS
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40 MG SOL INJ CT 2 CX X 1 FA VD TRANS X 0,8 ML + 1 SER + 1 AGU + 1 ADPT + 2 LEN ALCOOL
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBVIE FARMACÊUTICA LTDA.
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  8054083008943
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 10379.15
     
  •     LIFE MEDICAMENTOS
  •      HUMIRA
  •      Apresentação: 40MG SOL INJ CT 2 BL X SER X 0,8 ML + ENV LENÇO COM ALCOOL 
  •      Princípio Ativo: ADALIMUMABE...
  •      Fabricante: ABBOTT LABORATÓRIOS DO BRASIL LTDA
  •      Categoria: Outros
  •      EAN:  7891158051623
     
    PMC: 10265.47
  •      R$ 10401.00
     



 INFORMAÇÕES DO MEDICAMENTO


ADALIMUMABE


Para que serve o Adalimumabe

Artrite reumatóide

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) é indicado para reduzir os sinais e sintomas, inibir a progressão dos danos estruturais e melhorar a capacidade física em pacientes adultos com artrite reumatóide ativa de intensidade moderada a grave, que apresentaram resposta inadequada a uma ou mais drogas anti-reumáticas modificadoras do curso da doença (DMCD). Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) está indicado para o tratamento da artrite reumatóide grave, ativa e progressiva em pacientes não tratados com metotrexato previamente.

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) pode ser utilizado isoladamente ou em combinação com metotrexato ou outra DMCD.

Artrite psoriásica

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) é indicado para reduzir os sinais e sintomas da artrite psoriásica em pacientes adultos.

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) pode ser utilizado isoladamente ou em combinação com drogas anti-reumáticas modificadoras do curso da doença (DMCD).

Espondilite Anquilosante

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) é indicado para o tratamento de adultos com espondilite anquilosante ativa que responderam inadequadamente à terapia convencional.

Doença de Crohn

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) é indicado para o tratamento de pacientes adultos com doença de Crohn ativa de intensidade moderada a grave, que apresentaram resposta inadequada à terapia convencional.

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) também é indicado para o tratamento de pacientes adultos com doença de Crohn ativa de intensidade moderada a grave, que passaram a não responder ou que são intolerantes ao infliximabe.

Psoríase

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) é indicado para o tratamento de psoríase em placas crônica moderada a grave, em pacientes adultos que têm indicação de terapia sistêmica ou fototerapia.

Contraindicação do Adalimumabe

Não use Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) se você for alérgico ao adalimumabe ou a qualquer outro componente da fórmula.

Este medicamento é contra-indicado na faixa etária pediátrica.

Como usar o Adalimumabe

A aplicação de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) pode ser feita pelo próprio paciente.

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) deve ser injetado sob a pele (injeção subcutânea). Você pode aplicar Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) sozinho (auto-aplicação) ou solicitar que outra pessoa que recebeu treinamento adequado ou seu médico aplique Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) para você. Você deverá utilizar Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) por todo o período indicado por seu médico.

As seguintes instruções explicam como aplicar Adalimumabe (substância ativa deste medicamento). Leia atentamente as instruções e siga-as passo a passo. Você deverá ser instruído por seu médico quanto à técnica correta de auto-aplicação. Não aplique o medicamento até que você tenha segurança de que compreendeu corretamente as instruções. Este medicamento não deve ser misturado a outros medicamentos na mesma seringa.

A solução injetável deve ser inspecionada visualmente para verificar a presença de partículas ou alterações de coloração antes de ser administrada. Se partículas ou descoloração forem observadas, o produto não deve ser utilizado. Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) não contém conservantes e, portanto, o material não utilizado que permanecer na seringa deve ser adequadamente descartado.

Instruções para preparo e administração de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) seringa pronta para uso:

  • 1) Lave cuidadosamente suas mãos.
  • 2) Coloque os seguintes itens sobre uma superfície limpa:
  • Uma seringa pronta para uso de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento)
  • Lenço umedecido em álcool
  • 3) Verifique o prazo de validade da seringa. Não use o produto se este estiver vencido.
  • 4) Escolha o local da injeção: coxa ou abdômen.
  • 5) Cada nova injeção deve ser dada ao menos a 3 cm de distância do local da última injeção.
  • 6) Não aplique o medicamento em área onde a pele estiver avermelhada, lesionada ou áspera. Isto pode indicar uma infecção.
  • 7) Com o lenço umedecido em álcool, limpe o local da injeção fazendo movimentos circulares.
  • 8) Após a limpeza, não toque na área até a injeção.
  • 9) Remova a tampa da agulha da seringa, sendo cuidadoso para não tocar na agulha ou deixar que ela toque em qualquer superfície.
  • 10) Com uma das mãos, levante gentilmente a área da pele limpa e segure firmemente.
  • 11) Com a outra mão, segure a seringa a um ângulo de 45° em relação à pele.
  • 12) Com um movimento curto e rápido, insira a agulha na pele.
  • 13) Solte a pele e injete a solução da seringa – isto pode levar de 2 a 5 segundos até o completo esvaziamento da seringa.
  • 14) Quando a seringa estiver vazia, remova a agulha da pele, sendo cuidadoso para manter o mesmo ângulo com que a agulha foi inserida.
  • 15) Usando uma gaze, pressione o local da injeção por 10 segundos. Um pequeno sangramento pode ocorrer. Não esfregue o local da injeção. Use um curativo adesivo, se você quiser.
  • 16) Nunca reutilize a seringa. Nunca recoloque o protetor na agulha.
  • 17) Após a injeção, descarte imediatamente a seringa conforme as instruções de seu médico, enfermeiro ou farmacêutico.

Posologia

Artrite Reumatóide

A dose recomendada de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) para pacientes adultos é de 40 mg, administrados em dose única por via subcutânea, a cada 14 dias.

O tratamento com metotrexato, glicocorticóides, salicilatos, antiinflamatórios não esteróides, analgésicos ou outras drogas anti-reumáticas modificadoras do curso da doença (DMCDs) pode ser mantido durante o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento).

Alguns pacientes, não tratados concomitantemente com metotrexato podem obter benefício adicional com o aumento da freqüência da administração de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) para 40 mg uma vez por semana.

Artrite Psoriásica

A dose recomendada de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) para pacientes adultos é de 40 mg, administrados em dose única por via subcutânea, a cada 14 dias.

O tratamento com metotrexato, glicocorticóides, salicilatos, antiinflamatórios não esteróides, analgésicos ou outras drogas anti-reumáticas modificadoras do curso da doença (DMCDs) pode ser mantido durante o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento).

Espondilite Anquilosante

A dose recomendada de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) para pacientes adultos é de 40 mg, administrados em dose única por via subcutânea, a cada 14 dias.

Doença de Crohn

A dose recomendada de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) para pacientes adultos com doença de Crohn é:

  • Início do tratamento – Semana 0: 160 mg por via subcutânea (a dose pode ser administrada em quatro injeções em um dia ou duas injeções por dia por dois dias consecutivos);
  • Semana 2: 80 mg por via subcutânea (a dose deve ser administrada em duas injeções no mesmo dia);
  • Manutenção do tratamento: na Semana 4, 40 mg por via subcutânea e, a partir daí, 40 mg a cada 14 dias por via subcutânea.

O tratamento com corticosteróides, aminosalicilatos ou agentes imunomoduladores pode ser mantido durante o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento).

Alguns pacientes podem necessitar um aumento na frequência da dose de manutenção de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) para 40 mg por semana.

Psoríase

A posologia recomendada de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) para pacientes adultos é de uma dose inicial de 80mg por via subcutânea, seguida de doses de 40 mg por via subcutânea administradas em semanas alternadas começando na semana seguinte à dose inicial.

Caso o paciente não apresente resposta dentro de 16 semanas de tratamento, a terapia deve ser reavaliada.

O que devo fazer se esquecer de tomar uma dose do medicamento?

Se você esquecer de tomar a injeção, aplique a próxima dose assim que se lembrar. A dose seguinte à dose esquecida deve ser aplicada seguindo o esquema original de administração (como se você não tivesse esquecido da dose). Não interromper o tratamento sem o conhecimento de seu médico.

Siga a orientação do seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.

Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Não use o medicamento com o prazo de validade vencido. Antes de usar observe o aspecto do medicamento.

Reações Adversas do Adalimumabe

Como todo medicamento, Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) pode estar relacionado a efeitos adversos.

Os efeitos mais comuns são infecções do trato respiratório superior, dor, inchaço, vermelhidão e prurido no local da injeção.

É comum a ocorrência das seguintes reações adversas:

  • Infecções do trato respiratório inferior (incluindo pneumonia e bronquite);
  • Infecção urinária, infecção por herpes (incluindo os tipos simplex e zoster);
  • Influenza (gripe);
  • Infecções fúngicas superficiais (incluindo pele, unha e pé);
  • lnfopenia;
  • Anemia;
  • Distúrbios do sistema nervoso (como dor de cabeça, tontura, parestesia);
  • Hipertensão;
  • Tosse;
  • Dor nasofaríngea;
  • Congestão nasal;
  • Distúrbios gastrintestinais (como náusea, dor abdominal, diarréia, dispepsia, ulceração na boca); 
  • Distúrbios cutâneos ou subcutâneos (como erupção cutânea, prurido, erupção eritematosa, erupção prurítica, queda de cabelo); 
  • Artrite; 
  • Fadiga (incluindo fraqueza e mal-estar).

Se você apresentar qualquer um destes efeitos, consulte seu médico.

Informe seu médico imediatamente se você apresentar erupção cutânea, edema da face, dificuldade de respiração. Informe seu médico o mais rápido possível se sinais de infecção como febre, mal estar, feridas ou problemas dentários aparecerem ou se sentir fraqueza ou cansaço excessivo, tosse, formigamento, torpor, visão borrada ou fraqueza nos braços e nas pernas.

Informe seu médico ou farmacêutico se qualquer efeito preocupar você ou se você apresentar efeitos adversos incomuns ou não descritos acima.

Interação Medicamentosa do Adalimumabe

Metotrexato:

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) foi estudado em pacientes com artrite reumatóide recebendo metotrexato concomitantemente. Os dados não sugerem a necessidade de ajuste de doses de nenhum dos dois medicamentos.

Outras:

Não foram realizados estudos formais de farmacocinética entre Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) e outras substâncias. Nos estudos clínicos, não foram observadas interações quando Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) foi administrado concomitantemente com DMCDs (sulfassalazina, hidroxicloroquina, leflunomida e ouro parenteral), glicocorticóides, salicilatos, antiinflamatórios não hormonais ou analgésicos.

Precauções do Adalimumabe

Advertências:

Infecções:

Se você tiver alguma infecção, inclusive infecções crônicas ou localizadas (como úlcera na perna), consulte seu médico antes de iniciar o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento). Em caso de dúvida, consulte seu médico.

Durante o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento), você pode adquirir infecções com mais facilidade. Informe seu médico o quanto antes se você apresentar sintomas como febre, ferimentos, cansaço excessivo ou problemas dentários. Como com outros inibidores de TNF, infecções graves (como pneumonia, pielonefrite, artrite séptica e septicemia), casos de tuberculose e infecções oportunistas foram relatados em pacientes tratados com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento). Seu médico verificará se você apresenta sinais ou sintomas de tuberculose antes do início do tratamento. Para isto, será necessário seu histórico médico, uma radiografia do tórax e teste de tuberculina (PPD). É muito importante que você diga a seu médico se você já teve tuberculose, ou se você já teve ou tem contato muito próximo com alguém que tem ou já teve tuberculose. Se sintomas de tuberculose (tosse persistente, perda de peso, cansaço excessivo, febre) ou qualquer outra infecção aparecerem durante o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento), avise seu médico imediatamente. Avise seu médico se você apresentar histórico de infecções recorrentes ou outras condições que aumentem o risco de contrair uma infecção.

Reativação da Hepatite B:

O uso de inibidores de TNF foi associado à reativação do vírus da hepatite B (HBV) em pacientes portadores crônicos deste vírus. A maioria destes relatos ocorreu em pacientes que receberam outros medicamentos supressores do sistema imunológico, que também podem contribuir para a reativação do HBV. Pacientes com risco de contrair infecção por HBV devem ser avaliados pelo médico antes do início do tratamento com inibidores de TNF. Avise seu médico caso você seja portador do vírus da hepatite B. Pacientes portadores deste vírus e que requeiram terapia com inibidores de TNF devem ser cuidadosamente monitorados quanto a sinais e sintomas da infecção ativa por HBV durante a terapia e por alguns meses após o término da mesma. Seu médico deverá suspender o uso de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento), caso você desenvolva a reativação do vírus HBV. Neste caso, seu médico deverá iniciar terapia antiviral adequada.

Eventos neurológicos:

Se você tiver esclerose múltipla, seu médico decidirá se você deve ou não receber Adalimumabe (substância ativa deste medicamento).

Malignidades:

Seu médico deverá monitorá-lo quanto ao desenvolvimento de linfomas e outras malignidades.

Precauções:

Reações alérgicas:

Se você apresentar reações alérgicas, tais como enrijecimento do tórax, respiração ofegante, vertigens, edema ou erupções na pele, interrompa a aplicação de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) e procure seu médico imediatamente.

A tampa da agulha da seringa contém borracha natural (látex). Portanto, pacientes sensíveis ao látex podem ter reações alérgicas graves.

Tuberculose e outras infecções oportunistas:

Casos de tuberculose e infecções oportunistas foram relatados em pacientes tratados com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento). Seu médico verificará se você apresenta sinais ou sintomas de tuberculose antes do início e durante o tratamento. Se sintomas de tuberculose (tosse persistente, perda de peso, cansaço excessivo, febre) ou qualquer outra infecção aparecerem durante o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento), avise seu médico imediatamente (ver Advertências).

Alterações hematológicas:

Alterações hematológicas (alterações na constituição do sangue) foram raramente observadas com o uso de agentes bloqueadores de TNF. No entanto, caso você desenvolva sinais ou sintomas sugestivos de alterações hematológicas (por exemplo, febre persistente, contusões, sangramento, palidez) durante o uso de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) procure o seu médico imediatamente.

Uso com anakinra:

Infecções graves foram observadas em estudos clínicos com o uso simultâneo de anakinra e outro antagonista de TNF. Informe o seu médico caso você esteja fazendo uso de medicamentos à base de anakinra.

Insuficiência cardíaca congestiva:

Caso você tenha insuficiência cardíaca congestiva, seu médico deverá monitorá-lo cuidadosamente ao iniciar o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento).

Doenças auto-imunes:

Seu médico deverá monitorá-lo quanto ao aparecimento de doenças auto-imunes.

Uso em idosos, crianças e outros grupos de risco:

  • Geriatria: a idade parece não exercer influência significativa no metabolismo do adalimumabe. Em uma análise populacional, a eliminação do medicamento foi semelhante entre pacientes de 40 a 65 anos e pacientes acima dos 65 anos de idade.
  • Pediatria: Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) não foi estudado em população pediátrica.
  • Sexo: não foram observadas diferenças no metabolismo do medicamento entre homens e mulheres após correção para o peso corporal dos pacientes.
  • Etnia: não são esperadas diferenças na eliminação de imunoglobulinas entre indivíduos de diferentes etnias.
  • Insuficiência renal e hepática: não há dados disponíveis sobre o metabolismo do medicamento em pacientes com insuficiência renal ou hepática.

Ação do Adalimumabe

Características farmacológicas

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) é um anticorpo monoclonal recombinante da imunoglobulina humana (IgG1) contendo apenas seqüências humanas de peptídeos. Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) foi desenvolvido a partir de técnica utilizando um fago contendo regiões variáveis de cadeias leves e pesadas totalmente humanas, o que confere especificidade ao fator de necrose tumoral (TNF), e sequências de cadeias pesadas e de cadeias leves capa (κ) de IgG1 humana. Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) liga-se com alta afinidade e alta especificidade ao fator de necrose tumoral alfa (TNF-alfa), mas não à linfotoxina (TNF-beta). O adalimumabe é produzido por tecnologia de DNA recombinante em sistema de expressão de células de mamíferos. Consiste de 1330 aminoácidos e apresenta um peso molecular de aproximadamente 148 quilodaltons.

Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) é fornecido sob a forma de solução estéril, livre de conservantes, para administração parenteral. A solução de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) é límpida e incolor, com um pH de 5,2.

Farmacologia clínica

Mecanismo de ação

O adalimumabe liga-se especificamente ao TNF, neutralizando sua função biológica através do bloqueio de sua interação com os receptores de TNF (p55 e p75) presentes na superfície celular. O TNF é uma citocina de ocorrência natural, envolvida nas respostas inflamatórias e imunes normais. Níveis elevados de TNF são encontrados no líquido sinovial de pacientes com artrite reumatóide (AR), artrite psoriásica, espondilite anquilosante e doença de Crohn, desempenhando um papel importante tanto na inflamação patológica quanto na destruição da articulação, características dessas doenças. O adalimumabe também modula respostas biológicas induzidas ou reguladas pelo TNF, incluindo alterações nos níveis de moléculas de adesão, responsáveis pela migração de leucócitos (ELAM-1, VCAM-1 e ICAM-1 com CI50 de 1-2 X 10–10 M).

Farmacodinâmica

Após o tratamento com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento), observou-se uma rápida diminuição em relação aos níveis basais dos marcadores de fase aguda da inflamação (proteína C-reativa, velocidade de hemossedimentação, e citocinas séricas como a IL-6) em pacientes com artrite reumatóide. Observou-se também uma diminuição dos níveis séricos de metaloproteinases matriciais (MMP-1 e MMP-3), responsáveis pela remodelação tissular e pela destruição da cartilagem. Os pacientes com artrite reumatóide, artrite psoriásica, espondilite anquilosante e doença de Crohn freqüentemente apresentam anemia leve a moderada e redução da contagem de linfócitos, bem como aumento do número de neutrófilos e de plaquetas. Os pacientes tratados com Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) geralmente apresentam melhora nesses parâmetros hematológicos de inflamação crônica.

Uma rápida diminuição nos níveis da proteína C-reativa também foi observada em pacientes com doença de Crohn.

Estimativas da EC50 do adalimumabe variando de 0.8 a 1.4 mcg/mL foram obtidas através de estudos fase II e III.

Farmacocinética

Absorção:

Após administração de dose única de 40 mg de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) por via subcutânea (SC) em 59 indivíduos adultos saudáveis, observou-se absorção e distribuição lenta do adalimumabe, com concentração plasmática de pico média em cerca de cinco dias. A biodisponibilidade média absoluta do adalimumabe estimada a partir de três estudos após dose única subcutânea de 40 mg foi de 64%.

Distribuição e eliminação:

A farmacocinética de dose única do adalimumabe foi determinada em vários estudos com doses intravenosas (IV) variando entre 0,25 a 10 mg/kg. O volume de distribuição variou de 4,7 a 6,0 litros, indicando que o adalimumabe se distribui de modo similar nos líquidos vascular e extravascular. O adalimumabe é eliminado lentamente, com depuração tipicamente abaixo de 12mL/h. A meia-vida média da fase terminal foi de aproximadamente duas semanas, variando de 10 a 20 dias. A depuração e a meiavida permaneceram relativamente inalteradas no intervalo de doses estudado, e a meia-vida terminal foi semelhante após administração intravenosa e subcutânea. As concentrações do adalimumabe no líquido sinovial de vários pacientes com artrite reumatóide (AR) variou de 31 a 96% da concentração plasmática.

Farmacocinética no estado de equilíbrio:

O acúmulo do adalimumabe foi previsível com base na meia-vida após administração SC de 40 mg de Adalimumabe (substância ativa deste medicamento) a cada 14 dias em pacientes com AR atingindo, em média, concentrações mínimas no estado de equilíbrio de aproximadamente 5 mcg/mL (sem administração concomitante de metotrexato) e de 8 a 9 mcg/mL (com administração concomitante de metotrexato). Os níveis plasmáticos de vale do adalimumabe no estado de equilíbrio aumentaram quase proporcionalmente com a dose após administração SC de 20, 40 e 80 mg semanalmente ou a cada 14 dias. Em estudos de longa duração com administração por mais de dois anos, não houve evidência de alterações na depuração em função do tempo. A análise populacional de farmacocinética, com dados de mais de 1200 pacientes, revelou que a administração concomitante de metotrexato apresentou um efeito intrínseco sobre a depuração aparente do adalimumabe (ver Interações Medicamentosas). Conforme esperado, houve uma tendência a aumento da depuração aparente do adalimumabe com o aumento do peso corporal e com a presença de anticorpos anti-adalimumabe. Foram identificados também outros fatores de menor importância: foi prevista maior depuração aparente em pacientes recebendo doses menores do que a dose recomendada, e em pacientes com altas concentrações de fator reumatóide ou de proteína C-reativa. Esses fatores não parecem ser clinicamente relevantes. Em pacientes com psoríase, a concentração média no estado de equilíbrio é 5 mcg/mL durante o tratamento monoterápico de adalimumabe 40 mg a cada duas semanas.



Assine nossa newsletter e receba as melhores promoções e ofertas de sua região




SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, PROCURE ORIENTAÇÃO DO FARMACÊUTICO OU DE SEU MÉDICO. LEIA A BULA.



Todas as informações contidas nesse site tem a intenção de informar e educar, não pretendendo de forma alguma substituir as informações e orientações do profissional da saúde ou servir como recomendação para algum tratamento, não administre qualquer tipo de medicamento sem consultar o seu médico ou farmacêutico.